12/21/2010

Seria a magia do Natal?

Dois anos e onze meses atrás dei uma pausa na vida, me alienei aos problemas, deixei de lado o trabalho que sugava a minha alma e não me recompensava por isso, fiz de conta que não via meu ex-marido me traindo com a chefe dele, me afundei em bons filmes, amizades e na família, precisa de no mínimo um mês para descansar a cabeça, precisava chegar bem ao 9º mês de gestação, afinal, João Pedro foi planejado e ia ser muito bem vindo, o que me deixava confusa era ter planejado tanto e ter saído tudo como eu não esperava, esta ai a certeza de que a vida pode nos levar para outros caminhos.


Prometi que resolveria todos os problemas depois, larguei tudo e fui curtir meu ultimo mês de gestação.
Hoje posso dizer com certeza que ser mãe solteira é extremamente difícil, muito mais quando o pai não tem participação nenhuma, não planejei ser mãe solteira e acredito que toda criança tem como direito ter uma família que a ame, hoje meus pais e meus irmãos são para meu filho a tradução do amor.

No Natal de 2007 um Natal qualquer, porém meu ultimo Natal sem filho nada seria como antes, em partes me culpava, mas prometi aceitar os presentes da vida, dar um rumo ao novo dia.
Eis que hoje em 2010 eu me preparo para um novo Natal, João Pedro com 2 anos e 11 meses, faremos aniversário logo mais – sim, FAREMOS, somos do mesmo dia =)
Sempre penso “como será o próximo Natal do JP?” “Será q ele vai acreditar em Papai Noel?” – Faz um mês que ele esta pedindo uma “bichiqueta” (bicicleta) meu pai disse que o Papai Noel vai trazer, eu não fico confortável em mentir, muito menos colocar peso de consumo nessas mentiras, não queria ensinar meu filho que Papai Noel é responsável por presentes, queria ensinar sobre valores humanos, sobre o amor #soumá?

Vamos lá, mais um desafio, ele odeia Papai Noel, quando JP tinha 11 meses fomos tirar uma foto com o bom velhinho, e quem disse que ele queria? Fiquei dias indo até o shopping explicando e nada, mudei...fui em um Papai Noel de rua...e nada...era ver o tal velhinho e cair no choro.
Com 1 ano e 11 meses passamos por isso novamente e agora com 2 anos e 11 meses resolvi que o melhor é deixar ele escolher...Nada de fotos e torturas...Eu tentei, ele não quis, nada de insistir, mas a idéia do presente do Papai Noel ainda prevalecia, afinal, presente é presente e ponto! Quem não gosta? E cadê a bicicleta?

Resolvi me animar e levar meu pequeno para a Livraria Cultura – como sabem, tenho paixão por livraria, em especial a livraria Cultura.
Chegamos e vimos uma aglomeração de pessoas na porta do auditório, estavam distribuindo pulseiras para a sessão do Teatrinho da Mônica, o João Pedro adora o Cebolinha – pulseirinhas no pulso e lá estávamos nós, claro que o JP tem medo, mas estava animado, ao final, teve sorteio, carrinho, bonecos, gibis, e chamam o número – 52, olhamos no pulso do João Pedro, sim, era o número dele, ele ganhou uma bicicleta do Cebolinha, a mamãe aqui caiu no choro, será que acredito que Papai Noel existe? Será que devo insistir com o JP sobre a “magia” do Natal? Não sei...Só sei que ele pediu e ganhou, seus olhinhos brilhavam, agarrou a caixa com a bicicleta, posso estar emocionada e florindo o episódio, mas ser mãe é isso, e todos meus planos e desejos se realizaram, meu filho.
Acho que essa é a magia do Natal, fazer você acreditar que tudo pode ser possível.
Aproveitando, lembrei de umas tuitadas que hoje pela manhã me fizeram pensar na responsabilidade dos pais e adultos na educação dos filhos, a Luiza falava sobre sua infância e como o Natal em familia era tedioso, as primas faziam amigo secreto e excluiam ela e a irmã, pior quando na hora de abrir os presentes todas as crianças ganhavam uma lembrança, menos as duas, meu pai diria que é coisa de criança. mas eu entendo que esta era a hora dos pais e adultos orientarem os pequenos sobre repartirem, sobre como é gostoso estar com a familia e os amigos e que pode ser uma boa hora de fazer uma boa ação, viu só como eu consegui fazer o Natal ser magico e ao mesmo tempo responsavél?
E então papais, mamães, titios, amiguinhos...o que acham?

Natal de 2008 - JP com 1 ano e 11 meses

Natal de 2009 - JP com 2 anos e 11 meses

Feliz Natal

4 comentários:

Natália disse...

Sinvceramente, Natal para mim é uma data que é construida na infância...eu vejo muita gente que não gosta de natal porque teve experiências ruins qndo pequeno, como vejo tb gente que tem a mesma tradição todo ano pq aprendeu com os pais, portanto, acho bom vc estar construindo uma boa imagem do natal com seu filho e acho super bacana vc pensar em passar valores humanos para ele, muito mais que consumistas, vc será uma das únicas mães fazendo isso e eu admiro vc por isso.
Fezli Natal =D

Silvia Azevedo disse...

Débora, concordo com você sobre essa questão de transmitir valores mais humanos e verdadeiros, principalmente com relação ao Natal, ao Papai Noel. Em contrapartida, acho que a magia de esperar pelo Papai Noel etc faz parte da infância, desse mundo cheio de fantasia e faz-de-conta.
Com apenas 3 para 4 anos eu "descobri" que Papai Noel não era de verdade e minha mãe não fez grandes esforços para reverter isso; e sempre fui uma criança feliz. Acho até que, saber que quem compra o presente são os pais e não o Papai Noel, mostra às crianças a realidade. Imagine as crianças cujos pais não tem condições de comprar um presente? Provavelmente ficará decepcionada quando acordar no dia 25 e ver que "Papai Noel" não passou na casa dela; e cobrará explicações disso.
Enfim, acho que acreditar ou não em Papai Noel não vai fazer dele um ser humano melhor, mais justo, mais amoroso. Ouça seu coração. E seu filho.
(Minha filha tem 1 ano e ainda não sei como lidar com isso. Por enquanto ela não entende muito direitinho. Ano que vem veremos...)

Bjs, Silvia Azevedo

http://umapitadadecadacoisa.blogspot.com

Silvia Azevedo disse...

Desculpe meu comentário tamanho EXG (rs)... e acabei esquecendo de comentar que fiquei muito emocionada lendo a parte do sorteio da "bichiqueta" do Cebolinha. Do jeito que sou, choraria também! :*

Antonio Marques disse...

Programa para Monitorar todas as Atividades realizadas em um Computador


Monitore todas as atividades de um computador, veja imagens da tela,
teclas digitadas, conversas do MSN, Emaisl e Senhas Digitadas no computador,
as buscas que foram realizadas e muito mais, visite nosso site e conheça o
Kit Espião de Computadores

http://www.onlinerenda.com.br/monitorar-computador.htm